Pesquisadores da UFSCar são premiados pelo Google

No dia 23 de outubro, o Google entregou o prêmio Lara (Latin America Research Awards) a 26 projetos de pesquisa da América Latina selecionados, que receberão financiamento de um ano para desenvolvimento de estudos de ponta em Ciência da Computação, Engenharia e campos relacionados. Entre os vencedores estão Estevam Rafael Hruschka Junior, docente do Departamento de Computação (DC) da UFSCar, e seu orientando, Antonio Carlos Petri, mestrando no Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação (PPGCC) da Instituição.

O projeto premiado, intitulado “Detecção de anomalias em rede de sensores automotivos utilizando aprendizagem profunda”, investigará a tarefa de detecção de anomalias nas leituras desses sensores utilizando um paradigma de aprendizado de máquina desenvolvido por Hruschka e Tom Mitchell, professor da Universidade Carnegie Mellon, dos Estados Unidos. É a chamada “aprendizagem sem fim”, que, diferentemente de algoritmos estáticos de detecção de padrões, está em constante evolução, sendo capaz de aprender com o uso, em um processo muito semelhante à aprendizagem em seres humanos. O NELL (Never Ending Learning Language), desenvolvido por Hruschka e Mitchell, foi o primeiro sistema de aprendizagem sem fim da história da Computação e, agora, será aplicado aos veículos autônomos, com expectativa de avanços significativos nos campos da inteligência artificial, do aprendizado de máquina e dos carros autônomos.

Mais informações sobre os demais projetos contemplados com o Lara nesta sexta edição do prêmio estão disponíveis no blog do Google Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *