UFSCar realiza encontros para famílias de pessoas com altas habilidades

A UFSCar realiza mensalmente encontros direcionados ao empoderamento de familiares e cuidadores de pessoas com altas habilidades, em um espaço de informação e debate sobre o assunto e a respeito do direito ao atendimento educacional especializado. As atividades, gratuitas e abertas ao público interessado, são realizadas por docentes e estudantes vinculados ao curso de Licenciatura em Educação Especial da Universidade, sob a coordenação de Rosemeire de Araújo Rangni, docente do Departamento de Psicologia (DPsi), atuante na Licenciatura e no Programa de Pós-Graduação em Educação Especial (PPGEEs) da Instituição. As reuniões também contam com a participação de Ana Paula Santos Oliveira, psicóloga e mestranda em Educação Especial.

Pessoas com altas habilidades são aquelas que demonstram potencial elevado em qualquer uma das seguintes áreas, isoladas ou combinadas: intelectual, acadêmica, liderança, psicomotricidade e artes. Também apresentam elevada criatividade e grande envolvimento na aprendizagem e realização de tarefas em áreas de seu interesse. Rosemeire Rangni defende a importância de, uma vez detectada a precocidade, prover estímulos específicos à criança com altas habilidades. Ela destaca que tanto o diagnóstico quanto essa oferta de oportunidades devem ser fruto de um trabalho conjunto entre escola e família. “Essas crianças em geral têm uma comunicação e uma verbalidade muito mais evoluídas do que outras na mesma faixa etária. Em outros casos, elas caminham mais cedo, ou falam mais cedo, ou têm facilidade para leitura. São muito curiosas, conversam sobre assuntos que não são propriamente para a idade em que se encontram. Perguntam muito e têm muita energia, o que, não raro, acaba por confundi-las com crianças hiperativas”, descreve a professora da UFSCar.

A atividade de extensão coordenada por Rangni, realizada desde 2016 e intitulada “Espaço de empoderamento para famílias de pessoas com altas habilidades”, tem justamente o objetivo de empoderar familiares e cuidadores de crianças e jovens com altas habilidades. O último encontro de 2019 acontece no dia 4 de dezembro, das 18 às 20 horas, no prédio da Educação Especial, na área Sul do Campus São Carlos da UFSCar. Não é necessário fazer inscrição e mais informações podem ser obtidas pelo e-mail rose.rangni@uol.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *