Diário de Mark Zuckerberg revela ideias iniciais para o Facebook

Anotações de um diário de Mark Zuckerberg revelaram uma série de ideias antigas do fundador do Facebook a respeito da construção da rede social.

O material foi consultado pelo editor da revista Wired, Steven Levy, que escreve um livro sobre a história da empresa. Em artigo publicado o jornalista explica como o diário de Zuckerberg desempenhou papel fundamental nos rumos da companhia. 

Levy obteve 17 páginas do diário. As anotações são datadas de antes de maio de 2006 e o livro teria sido batizado pelo próprio Zuckerberg como “Book of Change”, ou Livro da Mudança. Segundo o jornalista, o restante do caderno teria sido destruído por Zuckerberg por motivos pessoais.

“[Zuckerberg] anotou ideias de produtos, diagramou códigos e discorreu sobre sua filosofia. Páginas após páginas foram preenchidas com textos, listas de tarefas e fluxogramas”, diz o editor da Wired no artigo.

Reprodução

Os documentos abordam, por exemplo, anotações sobre a discussão de abrir o Facebook para o público geral quando a plataforma ainda era exclusiva às redes de faculdades e colégios. O empresário também escreveu suas primeiras ideias e pensamentos sobre o feed de notícias.

No entanto, uma outra proposta um tanto peculiar chamou atenção: os dark profiles.

Esses perfis seriam destinados a pessoas que ainda não tinham se inscrito no Facebook. A ideia era permitir que usuários criassem páginas para seus amigos utilizando apenas um nome e endereço de email. Depois de publicado, qualquer usuário poderia adicionar informações aos perfis.

O artigo publicado por Levy ainda discorre sobre a lenda que Zuckerberg teria recusado uma oferta de US$ 1 bilhão para vender o Facebook ao Yahoo. Aparentemente, o fundador da rede social chegou a acertar um acordo verbal, mas uma mudança nas postura do Yahoo teria levado ao encerramento das conversas.

“Ele chegou a acertar um acordo verbal, mas então o CEO do Yahoo, Terry Semel, pediu para renegociar os termos porque a companhia apresentou resultados negativos. Zuckerberg aproveitou a oportunidade para encerrar as negociações.”, escreveu Levy.

6 comentários em “Diário de Mark Zuckerberg revela ideias iniciais para o Facebook

  • 13 de março de 2020 em 12:05
    Permalink

    I am really enjoying the theme/design of your web site. Do you ever run into any internet browser compatibility issues? A few of my blog visitors have complained about my website not working correctly in Explorer but looks great in Safari. Do you have any recommendations to help fix this problem?

    Resposta
  • 13 de março de 2020 em 15:59
    Permalink

    I’ve discovered a whole lot from this article and your website overall. I believe that it would equally assist not only myself but other individuals if you can possibly preserve the high-quality of your articles just the way they are or even up the ante. Many thanks for an incredible web site.

    Resposta
  • 15 de março de 2020 em 19:05
    Permalink

    Your writing style is very inventive and beneficial. It can make reading and understanding even subjects like this pretty simple for lots of us. It has actually been a fantastic read. Many thanks.

    Resposta
  • 26 de março de 2020 em 12:12
    Permalink

    Inpatient Substance Abuse Treatment Near Me http://aaa-rehab.com Drug Rehab Centers http://aaa-rehab.com Heroin Treatment
    http://aaa-rehab.com

    Resposta
  • 29 de março de 2020 em 11:48
    Permalink

    Your article has seriously assisted in dealing with several of the questions I’ve been having about this issue for a while. I truly value all the hard work you might have put into getting this article together.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *